Chã Grande demonstra evolução nos indicadores da educação, aponta Idepe


O estado de Pernambuco divulgou esta semana os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Idepe), referentes ao ano de 2018. Segundo os números, a educação pública municipal de Chã Grande vem registrando evolução nos números referentes a anos anteriores, tanto no ensino fundamental anos iniciais quanto nos anos finais da avaliação.

A definição dos resultados é feita através da aplicação da prova do SAEPE, em todas as escolas do município. Com base nisso, são emitidas as notas das instituições de ensino, e avaliação geral da cidade. Segundo os números oficiais, Chã Grande teve a maior nota nos últimos seis anos, no ensino fundamental, levando em consideração os anos finais.

Nesse aspecto, a Escola Municipal João Faustino de Queiroz registrou a segunda melhor nota do município, com um considerável aumento em seus índices avaliativos. A escola obteve 3,10 na avaliação. Já a Escola Municipal XV de Março registrou a melhor nota, que foi também a maior de todos os anos da série histórica do Idepe, com 3,18.

Nos anos iniciais, a maior nota do município ficou com a Escola Municipal Amália Araújo (Dr. José Rocha de Sá), no sítio Lajedo Grande, que registrou 5,04. A Escola João Faustino de Queiroz, com a segunda melhor nota, teve 4,13, superando anos anteriores, segundo avaliação da Secretaria de Educação.

"Esse é um resultado que muito nos orgulha e demonstra que o que estamos fazendo pela educação em nosso município têm garantido melhoras. Continuaremos incentivando a educação para que mais e mais resultados positivos possamos alcançar", destacou o secretário de educação, Joel Gomes. O prefeito Diogo Alexandre também lembrou a importância dos investimentos na área nos últimos anos. "Com muito esforço, estamos conseguindo mudar a realidade de nossa educação", comentou.

Nenhum comentário