FECHAR

.....

.....

.

.

ÚLTIMAS

Montreal vence Camela nos pênaltis e garante título da Copa Adelmar Fagundes

Jhonata Albuquerque

O Montreal sagrou-se campeão da Copa Adelmar Fagundes, nesta terça-feira, durante as comemorações pelo Dia do Trabalhador em Chã Grande. Em partida eletrizante do começo ao fim, a equipe venceu a Camela nos pênaltis, levantando a taça de campeão da competição.

Ao fim do primeiro tempo, pouca gente acreditava que a segunda etapa traria tantas surpresas. Nos 30 minutos iniciais, a Camela já vencia por 2 a 0, com dois gols de Felipe Vavá em cobranças de faltas. No primeiro gol, o atacante cobrou rasteira, passando por baixo das pernas do goleiro Gui. Na segunda cobrança, a bola aérea passou por todo mundo, morrendo dentro das redes.

Se no primeiro tempo a Camela tomou as iniciativas do jogo, na segunda etapa foi a vez do Montreal. Logo nos minutos iniciais, em cobrança de pênalti, Didinho diminuiu o contador. Em seguida, Lucas deixou tudo igual no Barbosão.

A partir daí as equipes passaram a se fechar mais, buscando levar o empate até o final. Com o apito do árbitro indicando o fim do segundo tempo, os times decidiram a competição nos pênaltis.

Todos os cobradores acertaram, até a quinta cobrança para cada lado. Na sexta cobrança, o Montreal fez o gol com Dedo. Em seguida, Vânio, autor de três gols na competição, bateu rasteiro no canto esquerdo do goleiro Gui, que fez a defesa do título.

A emoção tomou conta do gramado com a festa da equipe do Montreal. Em dois anos de fundação, o time já conquistou seu segundo título no futebol chãgrandense.

Ambas as equipes foram premiadas em cerimônia que contou com a participação do prefeito Diogo Alexandre, do vice Sandro Corrêa, além de vereadores e secretários municipais. O atacante Henrique, do Cruzeiro, foi o artilheiro da competição com cinco gols. Já o goleiro Gessé, da Camela, garantiu o destaque em sua posição.

Nenhum comentário